JoomlaLock.com All4Share.net

Notícias

IFG Anápolis oferece serviço de criação de softwares para empresas goianas

Após alguns trabalhos bem-sucedidos de criação de softwares em âmbito interno, o curso de Ciência da Computação do Instituto Federal de Goiás (IFG) – Câmpus Anápolis ampliou recentemente sua atuação para oferecer o fornecimento de programa de computador a empresas de todo o estado de Goiás. A única contrapartida solicitada pelo IFG aos empresários é a contratação de um estagiário do curso, que será supervisionado por professores durante o período exigido para o desenvolvimento do software e pode ser totalmente executado nas dependências do próprio IFG. A parceria é possibilitada por meio da Fábrica de Software Shannon, atividade de extensão do Câmpus que existe desde 2016.

Empresas de qualquer ramo de atuação ou porte podem solicitar o convênio com o Instituto, permitindo a execução de ideias e projetos. O empresário interessado na parceria deve procurar o IFG por meio do telefone (62) 3310-2825 ou pelo e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.. O vínculo do estagiário é estabelecido diretamente com a empresa, que se tornará o elo entre esta e os professores do IFG. Inicialmente o estudante passará um período dentro da empresa para compreender qual a sua demanda tecnológica e saber o que precisa ser feito. Após essa fase de contato inicial, o estagiário volta para o ambiente do Câmpus Anápolis para então desenvolver o software solicitado, sob orientação dos professores de Ciência da Computação, evitando assim que a empresa tenha custos com profissionais especializados na área e até infraestrutura de desenvolvimento.

A Fábrica de Software Shannon é coordenada pelos professores Alessandro Rodrigues, Daniel Xavier de Sousa e Hugo Vinícius Leão e Silva e tem sido uma ferramenta relevante de ensino-aprendizagem no cotidiano do curso de Ciência da Computação do IFG. Ela já tem em seus registros o desenvolvimento de diversos softwares para o Câmpus Anápolis, como por exemplo, o GCI, GCI-Sub, e GUIA, que são utilizados para controle de certificados de atividades complementares, revisão de trabalhos acadêmicos, entre outras funcionalidades.

 

PRIMEIRA PARCERIA JÁ SELADA

No mês de abril deste ano, foi firmada a primeira parceria do IFG – Câmpus Anápolis com uma empresa para oferta de software. O empreendimento em questão é a Irrigo, que atua na oferta de sistemas de irrigação. O programa desenvolvido pelo Instituto oferece um ambiente de captura de dados com tecnologia embarcada e uso de sensores meteorológicos, que entre outras coisas, apresenta índices relativos à quantidade de chuva e umidade onde quer que ele esteja instalado e mostra para os gerentes de irrigação, responsáveis pelos plantios, gráficos com volume e duração de chuva, seja em interface mobile ou web. O estagiário contratado pela Irrigo é Gabriel Oliveira Braga. 

O entusiasmo com o produto desenvolvido pelo IFG tem sido significativo. Uma prova disso foi que o proprietário da Irrigo, Frederico Augusto de Oliveira, incluiu a apresentação do novo software (foto ao lado) em sua participação na tradicional feira do ramo de tecnologias para o meio rural Tecnoshow Comigo, em edição realizada entre os dias 9 e 13 de abril em Rio Verde (GO).

Quem também está satisfeito com as novas possibilidades de parceiras entre o IFG e empresas é o professor Daniel Xavier, um dos coordenadores da Fábrica de Software Shannon. Segundo o docente, a iniciativa facilita a oferta do estágio para alunos de Ciência da Computação, fortalece a relação escola-empresa, favorece o fomento de um espaço profícuo para o ensino-aprendizagem e proporciona ao IFG-Câmpus Anápolis a oportunidade de assumir seu papel de origem ao contribuir para a produção desenvolvimento tecnológico da sua região. "Essas são as vantagens iniciais da Fábrica de Software. Para o segundo momento esperamos fazer dela um celeiro de empresa júnior ou incubadora, mostrando para a comunidade externa a qualidade dos nossos alunos", comemora.

 

O IFG oferta vagas no SISU 2018 para o Bacharelado em Ciência da Computação

O Instituto Federal de Goiás - Câmpus Anápolis está oferecendo vagas no SISU 2018  para o Bacharelado em Ciência da Computação. Faça sua inscrição no período de 23 de janeiro até 26 de janeiro. 

O Bacharelado em Ciência da Computação conta com uma boa infraestrutura, corpo docente altamente qualificado com pesquisas publicadas em renomadas conferências e revistas além de uma matriz curricular moderna abordando as últimas tendências da área.  No ano de 2017 alunos do 1º período foram contemplados com estágio remunerado e bolsas de Iniciação Cientifica. Para o ano de 2018 o curso irá continuar a oferta de estágios e iniciação científica. O IFG ainda oferece auxílios financeiros para alunos de baixa renda.

Conheça mais sobre o curso aqui e na mídia, aproveite e faça o único teste de aptidão existente no Brasil para o curso de Ciência da Computação para saber sua afinidade com o curso. 

 

Caso tenha alguma pergunta sobre o processo seletivo ou do curso, entre em contato conosco.

 

IFG inicia inscrições no Vestibular 2018 ofertando 24 vagas para Ciência da Computação.

Estão abertas até o dia 26/12 as inscrições para o Vestibular ENEM 2018 do Instituto Federal de Goiás. Também está aberto a seleção por transferência e portador de diploma neste link.

O Vestibular ENEM é oferecido para aqueles que participaram do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) em pelo menos uma das últimas cinco edições (2013,2014, 2015, 2016 ou 2017). As inscrições estarão disponíveis até dia 26/12. O Bacharelado em Ciência da Computação oferecerá 24 vagas neste processo seletivo. As demais vagas serão oferecidas no SISU 2018.  Faça sua inscrição neste link.

O Bacharelado em Ciência da Computação conta com uma boa infraestrutura, corpo docente altamente qualificado com pesquisas publicadas em renomadas conferências e revistas além de uma matriz curricular moderna abordando as últimas tendências da área.  Neste ano de 2017 alunos do 1º período foram contemplados com estágio remunerado e bolsas de Iniciação Cientifica. Para o ano de 2018 o curso irá continuar a oferta de estágios e iniciação científica. O IFG ainda oferece auxílios financeiros para alunos de baixa renda.

Conheça mais sobre o curso aqui e na mídia, aproveite e faça o único teste de aptidão existente no Brasil para o curso de Ciência da Computação para saber sua afinidade com o curso. 

Caso tenha alguma pergunta sobre o processo seletivo ou do curso, entre em contato conosco.

Alunos do BCC produzem jogos digitais já nos primeiros períodos do curso

A atividade faz parte de disciplinas presentes já nos primeiros períodos do curso

Alunos do curso de bacharelado em Ciência da Computação do IFG-Câmpus Anápolis já iniciam sua trajetória na Instituição desenvolvendo jogos digitais. A atividade faz parte de disciplinas presentes no primeiro e segundo períodos do curso e tem sido importante para o desenvolvimento de habilidades dos estudantes. 

De acordo com o professor Alessandro Rodrigues, da disciplina Laboratório de Programação, a iniciativa de usar jogos para estimular os alunos foi uma decisão do colegiado do curso de Ciência da Computação, como uma forma de estimulá-los a se envolverem mais com as atividades acadêmicas. Em complemento, o professor Daniel Xavier, da disciplina Estrutura de Dados I, afirma que no jogo o discente se sente motivado a mostrar o que aprendeu, sendo incentivado a criar maneiras diferentes de resolver um mesmo problema.

Entre os alunos, a fala do professor Daniel encontra respaldo. Para o estudante Gabriel Oliveira Braga, 19 anos, do 4º período de Ciência da Computação, por exemplo, trabalhar com jogos foi “algo que me estimulou muito, exigiu de mim dedicação mas tive um retorno muito gratificante, além disso, esse trabalho me ajuda nos novos desafios e novas atividades do curso”. Adílio Alves da Silva Neto, 18, 2º período, também elogia a iniciativa e ressalta que “o curso está sendo muito bom e sinto que está me preparando, me capacitando”. Em relação aos jogos, ele afirma que “o desenvolvimento de jogos era algo que eu já tinha em mente e o curso me introduziu no assunto e reforçou essa ideia”. Outro estudante que opinou foi Vitor Vinícius Beires Barbosa, 18, também do 2º período, que considera a matéria muito interessante e muito instrutiva, pelo fomento à busca pelo conhecimento uma vez que há várias formas de fazer uma mesma ação, usando a criatividade.

Baixe aqui o jogo desenvolvido por Adílio Alves como trabalho do 1º semestre do curso, da disciplina de Laboratório de Programação e aqui a inteligência artificial resolvendo o jogo das torres de hanoi, desenvolvido por Peterson Silva durante a disciplina de Estrutura de dados I , no 2º período do curso. 

 

 

Transferência externa e portador de diploma 2018-1 (25 vagas)

Está fazendo um curso na área da Computação ou terminou um curso superior? Você quer construir jogos e programas complexos, e não ficar apenas na "média de N valores" ? Quer saber como tirar proveito das arquiteturas modernas e fazer parte do mundo "Big Data"? Gostaria de criar sistemas Web escaláveis mas seu professor insiste no Swing ? 

O Bacharelado em Ciência da Computação(BCC) oferece 25 vagas no processo de transferência externa e portador de diploma, as inscrições podem ser feitas pela internet no sítio do IFG, por meio deste link,  até o dia 05 de janeiro. O processo será composto de duas fases, uma prova de redação que irá classificar os candidatos e a análise de curricular.  

Mesmo estando no início de suas atividades o BCC já possui vários projetos de pesquisa e estágios em execução, com vagas remuneradas, para os alunos com potencial para contribuir com os objetivos do curso e da instituição. Aproveite esta oportunidade para estudar em uma instituição pública, gratuita e de qualidade. 

 

Alunos de baixa renda poderão receber até R$ 360 para auxiliar estudos

O Instituto Federal de Goiás (IFG) - Câmpus Anápolis, por meio de sua Pró-Reitoria de Extensão, anualmente institui um processo seletivo para a concessão de três auxílios,são eles Alimentação, Transporte e Permanência. Cada auxílio possui um valor de R$ 120,00. Os estudantes dos cursos presenciais, que inclui o Bacharelado em Ciência da Computação, que pertençam à família com renda por pessoa de até 1,5 salário mínimo podem pleitear de uma a três auxílios, podendo alcançar o valor de R$ 360,00 por mês , pagos até dezembro. As inscrições finalizam no  dia 07/04/17. Confira o edital aqui.

Para verificar se é possível concorrer aos auxílios, soma-se os salários dos trabalhadores que moram no mesmo endereço e divida-se pela quantidade de pessoas da residência. Se o valor for inferior a 1,5 salários mínimos  é permitida a candidatura. 

A seleção será feita pelos profissionais de serviço social de cada Câmpus, com base na vulnerabilidade social dos interessados. Eles analisarão a documentação apresentada pelos alunos e entrevistá-los.  Não é necessário nenhuma contrapartida, ou seja, os alunos contemplados pelos auxílio não precisam realizar qualquer outra atividade extra. 

 

 

 

 

Artigo de professor do Câmpus Anápolis é selecionado para periódico internacional

Artigo de professor do curso de Ciência da Computação do Câmpus Anápolis do IFG foi aprovado para publicação no periódico IEEE Signal Processing Letters, do Instituto de Engenheiros Eletricistas e Eletrônicos (IEEE). O artigo aprovado tem por título "Spatial Filtering Based On Differential Spectrum For Improving ML DOA Estimation Performance", escrito pelo professor Hugo Vinícius Leão e Silva.

O IEEE Signal Processing Letters é um periódico com classificação Qualis A1 para Engenharias IV, que inclui Engenharia Elétrica, área do curso de doutorado do professor Hugo, e A2 para Ciência da Computação. O IEEE é uma organização sem fins lucrativos e é a maior organização profissional técnica do mundo dedicada ao avanço da tecnologia para benefício da humanidade.

O artigo é parte do trabalho de doutorado do professor, em que ele está pesquisando como melhorar a estimação da Direção de Chegada (DOA, na sigla em inglês) de sinais incidentes em um arranjo de sensores. Isso tem diversas aplicações, embora o foco da pesquisa em questão seja as telecomunicações sem fio. A estimação DOA pode ser implementada em roteadores WiFi modernos e é extensivamente utilizada em tecnologias de telefonia celular de quarta (4G) e quinta (5G) gerações.

De acordo com o professor Hugo, "a pesquisa busca melhorar a estimação DOA por meio do uso de filtros espaciais e da Matemática Computacional aplicados à otimização de problemas, com o uso dos métodos de Newton e Quase-Newton".

O artigo já está disponível no endereço eletrônico http://ieeexplore.ieee.org/document/7557050 e posteriormente fará parte da próxima edição impressa do IEEE Signal Processing Letters.

Professor do Câmpus Anápolis tem trabalho selecionado para apresentação em importante conferência Internacional

Artigo de professor do curso de Ciência da Computação do Câmpus Anápolis do IFG foi aprovado para apresentação na The 25th ACM Internacional Conference on Information and Knowledge Management (CIKM 2016), conferência de nível Qualis A1. A conferência acontece de 24 a 28 de outubro, em Indianapolis (EUA). O artigo, parte da pesquisa de doutorado do professor Daniel Xavier de Sousa, tem por título “Incorporating Risk-Sensitiveness into Feature Selection for Learning toRank”.

O trabalho disserta sobre a seleção das melhores características para a construção de rankings de documentos/sites em mecanismos de busca na internet, como os conhecidos Google e Yahoo!. O trabalho mostra de forma inovadora como fazer a seleção de características para se obterem rankings mais robustos (menos tolerantes a falhas) e de melhor qualidade.

A pesquisa foi desenvolvida conjuntamente com o professor Sérgio Canuto, IFG Campus Águas lindas, e também pelos professores Thierson Couto (UFG), Wellington Santos Martins (UFG) e Marcos André Gonçalves (UFMG), e será apresentada pelo professor Daniel na conferência em outubro.

 

O trabalho

De acordo com o professor Daniel “a função de gerar rankings de qualidade a partir de palavras chaves é um desafio importante na área de Recuperação de Informação, e tem sido explorado por várias máquinas de busca”. Na fase final de geração desses rankings, modelos de aprendizado de máquina são construídos a partir de diversas observações, as quais são usadas para inferir os sites/documentos considerados mais relevantes para os usuários.

A utilização desses modelos é algo frequente quando se faz uma consulta qualquer na internet. O desafio para esses sites de busca é aprimorar modelos que atendam aos critérios de relevância do usuário, casos da Google e Yahoo!. A seleção de características pode contribuir na criação desses modelos, eliminando características que muitas vezes confundem ou comprometem a eficiência do processo. “O que nós fazemos nesse trabalho é aprimorar importantes estratégias de Aprendizado de Máquina para aprender a selecionar as características que realmente contribuem para a construção de modelos robustos e acurados,” ressalta Daniel.

 

A conferência

CIKM é um dos eventos mais importantes na área de Recuperação de Informação, Gerência do Conhecimento e Banco de Dados, com Qualis A1. Desde 1992, a conferência reúne os melhores pesquisadores e desenvolvedores da área, compartilhando pesquisas que têm direcionado o futuro através de publicações de alto nível.

Para saber mais sobre a CIKM 2016, basta acessar o endereço eletrônico: http://cikm2016.cs.iupui.edu/

 

 

 

 

Coordenação de Comunicação Social/Câmpus Anápolis

Log in